Avaliação do Usuário

Star inactiveStar inactiveStar inactiveStar inactiveStar inactive
 

Um metalúrgico identificado apenas como “Márcio” teve os braços mutilados em um grave acidente ocorrido no final da manhã desta quinta-feira (13), na Tower Automotive, fabricante de autopeças para a Fiat Automóveis, localizada no bairro Paulo Camilo, em Betim (MG).

Socorrido de helicóptero, o trabalhador foi encaminhado ao Pronto Socorro João XXIII, na Capital. Segundo informações obtidas pelo Sindicato junto ao hospital, “Márcio” perdeu as duas mãos. 

Devido à gravidade do acidente, a Tower Automotive liberou todos os trabalhadores do serviço e a produção na empresa foi suspensa.
Tão logo soube do fato, o Sindicato tentou contato com a empresa para obter informações sobre o acidente. No entanto, apesar da insistência da direção, a entidade não foi atendida e também não foi permitida a entrada de diretores do Sindicato na fábrica.

 

“Pelas informações que obtivemos de trabalhadores, nem mesmo a Polícia Militar teria tido acesso à empresa. Diante disso, denunciamos o acidente à Superintendência Regional do Trabalho em Betim e à Vigilância Sanitária Municipal e pedimos as devidas providências”, disse o diretor de Saúde do Trabalhador do Sindicato, Rogério Djalma.

Ao tentar obter informações sobre o ocorrido na portaria da empresa, diretores do Sindicato foram duramente reprimidos por policiais militares, tendo um dos policiais sacado a arma e a colocado contra a cabeça de um dos diretores do Sindicato.

Segundo informações passadas por telefone por diretores que se encontram neste momento em frente à Tower, um policial deu voz de prisão a um sindicalista. O clima é tenso no local.

Fonte: Sindbet

Notícias